Ir direto para menu de acessibilidade.
Brasil – Governo Federal | Acesso à informação
Você está aqui: Página inicial
Início do conteúdo da página

Como participar das cotas?

Publicado: Sexta, 23 de Agosto de 2019, 12h26 | Última atualização em Sexta, 06 de Setembro de 2019, 12h39 | Acessos: 13855

Para se inscrever como cotista o candidato deve, obrigatoriamente, ter estudado em escola pública. O candidato oriundo de escola privada, mesmo como bolsista, não poderá concorrer às cotas.

Para o preenchimento das vagas reservadas pelo sistema de cota dos Cursos Técnicos de Nível Médio, na forma de oferta integrada, exige-se que o candidato tenha cursado todo o Ensino Fundamental (da 1ª a 8ª série ou do 1º ao 9º ano) ou equivalente (Ensino de 1º Grau) em escola pública.

O mesmo vale para as vagas dos Cursos Técnicos de Nível Médio, forma de oferta subsequente, onde se exige que o candidato tenha cursado todo o Ensino Médio (do 1º ao 3º ano) em escola pública, ou na Educação de Jovens e Adultos (EJA) ou curso técnico de Nível Médio ou equivalente (Ensino de 2º Grau). Em ambos os casos, será preciso comprovar por meio de Histórico Escolar.

Das vagas destinadas aos candidatos egressos de escola pública, 50% serão reservadas aos candidatos com renda familiar bruta igual ou inferior a 1,5 (um e meio) salário mínimo por membro da família, garantindo-se o percentual mínimo de 77,47% dessas vagas aos candidatos autodeclarados pretos, pardos, indígenas (PPI) e 23,62% para candidatos com deficiências (PcD).

O candidato selecionado no processo seletivo para preenchimento das vagas do sistema de cotas deverá apresentar o(s) documento(s) comprobatório(s) de sua condição, listados no item 19 do Edital.

Fim do conteúdo da página
-->